Carlos Eduardo precisou de apenas três anos para se impor no futebol português

Há três anos Carlos Eduardo era um desconhecido do futebol brasileiro e português. Em 2010, alinhava no modesto Grêmio Barueri das divisões regionais do futebol brasileiro. Mas o médio centro não passou despercebido ao antigo treinador do Estoril, Vinicius Eutrópio. O técnico brasileiro levou-o para a Linha do Estoril e na última época Carlos Eduardo explodiu sob o comando de Marco Silva.

O médio de 23 anos foi uma das peças-chave do super-Estoril da época passada. No entanto, apesar de ter actuado em quase todos os jogos da Liga (28 em 30) foi muitas vezes utilizado como uma arma secreta da locomotiva amarela. Começou 12 jogos no banco de suplentes. Fez quatro golos e algumas exibições de encher o olho. Mas será essa qualidade que demonstrou suficiente para se impor no FC Porto?



Share on Google Plus

0 comentários:

Com tecnologia do Blogger.