O papel de Domingos na despromoção do Deportivo

O Deportivo não evitou a despromoção da Liga Espanhola e uma parte da responsabilidade do desaire dos galegos tem um rosto português. Domingos Paciência foi um dos três treinadores da equipa durante esta temporada e foi aquele que teve um menor aproveitamento de pontos. 

O antigo técnico do Braga e do Sporting apenas conseguiu conquistar 22% dos pontos possíveis. Nas seis jornadas que durou no comando técnico do Depor, Domingos teve quatro derrotas, uma vitória e um empate. O seu antecessor no cargo, José Luis Oltra conseguiu fazer 23,5% dos pontos possíveis. Já Fernando Vásquez, que terminou a época ao leme do Depor, subiu a taxa de aproveitamento para 42% dos pontos em disputa. Mas esta melhoria foi insuficiente para compensar o mau desempenho da equipa aquando da liderança de Oltra e de Domingos.

Marque golos com os Zés e Pelés no Facebook
Share on Google Plus

2 comentários:

  1. O Domingos é um treinador razoável, mas não passa disso.

    Em Leiria e na Académica esteve razoavelmente bem, e em Braga destacou-se porque apanhou uma equipa preparada pelo JJ. Além disso, apanhou arbitragens tão simpáticas, tão simpáticas, que dificilmente as voltará a ter tão cedo.

    No Sporting, o Jesualdo mostrou que fez muito mais com muito menos condições do que as que teve Domingos.

    A mim quer-me parecer que Domingos ainda tem muito que aprender.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho a mesma opinião. E a passagem pelo Depor diminuiu o valor do currículo do Domingos

      Eliminar

Com tecnologia do Blogger.