João Tomás versus Meyong, quem leva a melhor nos relvados angolanos?

O futebol angolano quer golos e não foi de modas. Contratou dois veteranos que se revelaram dos goleadores mais produtivos na liga portuguesa nos últimos anos: João Tomás e Meyong (marcaram 100 e 79 golos, respectivamente, no campeonato luso). Nesta luta de homens-golo em relvados africanos o camaronês ex-Vitória de Setúbal está a levar a melhor.

Meyong, que actua no Kabuscorp, é o maior artilheiro do Girabola. Leva sete golos marcados à 12ª jornada, ajudando a equipa treinada pelo ex-leixonense Edouard Antranik a liderar o campeonato. O Kabuscorp leva cinco pontos de vantagem em relação ao segundo classificado, o 1º de Agosto de Daúto Faquirá.

Já João Tomás não está a acompanhar o ritmo de Meyong. O antigo ponta-de-lança do Rio Ave, que foi a grande aposta do campeão em título Recreativo Libolo, apenas conseguiu facturar por três ociasiões no Girabola. A falta de produção atacante da equipa está a impedir o Libolo, treinado por Henrique Calisto, de sair do meio da tabela. Segue em sétimo lugar, a 15 pontos da liderança.

Share on Google Plus

0 comentários:

Com tecnologia do Blogger.